António Bello - Novo Ashoka Fellow

Há alguns anos atrás, o jovem António começou com um grupo de amigos a cantar na rua para juntar “trocos” e fazer alguma coisa que pudesse ter um impacto positivo. Começaram por oferecer refeições a pessoas sem-abrigo, mas rapidamente perceberam que poderiam ir mais fundo na questão. Deparou-se com o problema da pobreza habitacional – um “problema escondido”, como ele diz. Acredita que todas as pessoas devem poder viver com dignidade e ter acesso a recursos que lhes permitam reescrever a sua história. Da ideia de juntar recursos para criar uma verdadeira mudança, nasce a Just a Change.

 

O António e a sua equipa conseguiram tornar uma ação caridosa num verdadeiro movimento revolucionário, que junta as pessoas que vivem em condições habitacionais pouco seguras e dignas, em decisores chave no seu futuro, com uma rede de voluntários, peritos e recursos para a reabilitação de casas como um passo para a reabilitação de vidas.  

Através de um modelo colaborativo, que junta municípios e paróquias que sinalizam casos e apoiam no pós-construção, voluntários das universidades, empresas que patrocinam e fazem voluntariado corporativo, pondo as pessoas no centro da sua solução e da tomada de decisão, a Just a Change possibilita a reabilitação das casas, tal como a criação de uma rede à volta da pessoa que permita que, uma vez que tem a casa reabilitada, possa refazer a sua vida com o apoio necessário.

Estima-se que cerca de 500,000 portugueses se encontram nesta situação, vivendo em casas sem saneamento, acesso a energia, com infestações e sem acesso a recursos para mudar este cenário. Sem condições financeiras para conseguir uma situação habitacional melhor, as pessoas entram num ciclo de isolamento e pobreza, tornando o problema ainda mais difícil de se ver e resolver. Por sua vez existem os programas tradicionais de apoio, que apostam na empregabilidade ou saúde, mas que sem uma infraestrutura estável que permita às pessoas manter as condições necessárias pessoais para continuar neste tipo de programas, a ação torna-se rapidamente reversível.  

Desta forma, a solução da Just a Change não só está a ajudar a resolver o problema da pobreza habitacional, como também a chamar atenção para o mesmo – pondo mais responsabilidade nos decisores, no sector corporativo e na comunidade para que tomem acão para o bem-comum.  

O António foi nomeado Ashoka Fellow pelo seu trabalho na criação um modelo inovador para abordar a pobreza habitacional, que serve como uma solução eficiente e completa a uma problemática com pouca resposta, na qual está a trabalhar para levar a Just a Change a mais pontos do país e do mundo.


Print